O Seguro de Auto de veículos autônomos

blog

O mundo já se prepara para receber as mudanças tecnológicas que estão saindo dos laboratórios, para transformar as nossas vidas.

Os governos de todo o planeta, precisarão resolver brevemente diversos problemas legais sobre a responsabilidade em acidentes que venham a envolver veículos autônomos.

Após a surpreendente decisão do Reino Unido (UK) de sair da União Europeia (EU), iniciativa conhecida como Brexit, os britânicos dão sinais de que nem tudo é olhar para o passado. Neste mês de julho já está sendo analisada pelos britânicos uma mudança nas regras de seguros para adaptá-las a receber nas estradas britânicas os novos automóveis autônomos que transformarão os hábitos dos cidadãos em todo o mundo.

Os especialistas do Reino Unido estimam que até 2020, tudo deve estar preparado para receber os novos veículos e seus proprietários com absoluta segurança e praticidade. A expectativa das autoridades britânicas é que até setembro de 2016 tudo deverá estar devidamente analisado no que concerne a seguros de automóveis com a nova tecnologia de direção autônoma. O objetivo é proporcionar ao proprietário dos novos veículos a possibilidade de fazer a cotação de seu seguro auto para contratar a devida proteção de seu patrimônio.

Adaptar a legislação sobre um assunto como este, é interferir em um mercado que vale muitos trilhões de euros em todo o planeta. Isto já deveria ser bastante responsabilidade, ainda mais, quando pensamos que os novos veículos também devem contribuir para estimular mudanças de comportamento que causarão impacto na segurança das pessoas e de seu patrimônio.

É muito conhecida a história do acidente que em maio último na Flórida (USA) vitimou o proprietário de um sofisticado veículo Model S da TESLA. O veículo colidiu com um caminhão quando estava sendo operado em modo de direção automática. A TESLA produz veículos elétricos de luxo já dotados da tecnologia de direção autônoma. Naquela ocasião, em entrevista ao Wall Street Journal, Elon Musk o presidente da montadora, afirmou que a versão disponibilizada ainda é uma versão beta e que os motoristas precisam tomar medidas de segurança adicionais em determinadas situações de direção em modo automático.

Um modelo TESLA S 70D por exemplo custa hoje na Europa algo em torno de 75 mil dólares e desenvolve potência similar a 514 cavalos, atingindo com muita facilidade 220Km/h. Pelo valor do veículo, potência e velocidade atingidas, é fácil entender o interesse dos adquirentes em poder fazer antes da aquisição, uma simulação do seguro auto.

A determinação por parte do governo do Reino Unido de regular estas normas é grande, pois tanto o ministério da economia quanto o ministério de transportes da Grã Bretanha, garantem estabelecer regimes de urgência na regulação das leis no que se refere ao código de trânsito e na legislação que normatiza a contratação de seguros auto.

A assessoria de comunicação do governo britânico fez questão de informar ao público que a exigência é de que os veículos de condução autônoma, para obter licença para trafegar, tenham um motorista operando o equipamento obrigatoriamente.

Leave a Comment:

Leave a Comment: