Evitando acidentes domésticos com crianças

É mamãe ou papai de primeira viagem? Então temos um segredo para te contar: apesar de todo o cuidado e proteção que você tem com o seu lar, o novo pequeno vai precisar de alguns cuidados extras para não transformar objetivos aparentemente inofensivos em possíveis causadores de acidentes domésticos.

Para quem já tem criança em casa, é fácil perceber como suas brincadeira e curiosidade podem acabar em acidentes graves quando a casa não está preparada para lidar com a sua movimentação e diversão. Nem adianta tentar impedir: elas vão correr, pular de um lado para o outro, e buscar todos os objetos ao seu alcance para se divertir.

Se precaver e prepara a casa para que a animação do pequeno não se transforme em preocupação é a tarefa número dois – logo depois de assinar um seguro residencial para manter o seu lar em segurança. Por isso, preparamos algumas dicas para evitar acidentes com crianças em casa. Confira!

– Escadas são reais perigos, e para as crianças não seria diferente. Por isso, adicione uma grade de proteção ou um portão para impedir que elas possam andar por aí enquanto você não estiver olhando.

– Janelas e varandas apresentam o mesmo grau de perigo. Como já é costume, inclusive com famílias que não tem crianças, mas recebem muitas visitas ou tem animais de estimação em casa, instale telas de proteção para garantir a segurança.

– Cubra todas as tomadas da casa que estão acessíveis para a criança com protetores específicos. É da sua natureza querer explorar e conhecer como cada coisa funciona, e garantir que elas não possam enfiar objetos ou seus dedinhos nesses buracos é essencial.

– Produtos de limpeza devem ficar sempre em locais que os pequenos não consigam alcançar, de preferência trancados, e sempre em sua embalagem original.

– Enquanto estiver cozinhando, tanto para a proteção dos pequenos como a sua própria, deixe sempre os cabos das panelas virados para dentro do fogão.

– Não é só você que pode ser desastrado, enquanto aprende a andar ou engatinhar, crianças podem acabar por esbarrar em quinas e pontas de móveis. Por isso, proteja tudo com o material adequado.

– Você nunca pode ficar muito seguro. Então, sempre que estiver em outro ambiente que seu pequeno, leve a babá eletrônica com você e mantenha um olho nas suas atividades e outro na criança.

Se você seguir todas essas dicas a risca – e mais algumas outras que o seu pediatra pode oferecer -, é possível garantir a segurança do seu pequeno.

Rate this post

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *