Motivos para contratar um seguro residencial

Contratar um seguro residencial não deve ser considerado um luxo ou algo a mais, mas sim, uma obrigação, pois ele é muito importante para garantir a segurança de todos os moradores, bem como fazer a prevenção de distúrbios.

Ele é necessário porque, por mais que existam diversas atitudes para cuidar da residência, ainda têm situações que estão fora do controle do morador. Dessa maneira, surge o seguro residencial como forma de cobrir certos danos que surgiram de alguns imprevistos. 

Existem situações adversas que podem acontecer com qualquer um, não com frequência, as quais o seguro pode ajudar com os problemas que foram causados, como raios, furtos ou inundações. 

É muito importante ressaltar que esse serviço é uma maneira de zelar por um patrimônio, tanto de uma pessoa quanto de uma família inteira. 

Entenda melhor como funciona esse serviço

O seguro residencial não pode funcionar como um sensor de nível, controlando a evolução das coisas, mas ele funciona muito eficazmente no auxílio pós acontecimento. 

O serviço de seguro residencial garante a proteção das moradias, sejam elas casas ou apartamentos. Na prática, ele fornece uma ajuda financeira para que o contratante consiga resolver os problemas gerados. 

Além disso, ele disponibiliza contatar serviços de emergência, como chaveiro, encanador, eletricista, instalação de interfones, reparos de incêndio, roubo e outros de acordo com cada operadora. 

Inclusive, algumas operadoras disponibilizam serviços adicionais, permitindo que o cliente consiga personalizar as oportunidades de acordo com as necessidades, fora a cobertura básica que elas devem fornecer. 

O valor depende da qualidade dos serviços, da quantidade de auxílios contratados e da seguradora. Ademais, é disponibilizado auxílio integral, permitindo que o cliente ligue para um telefone para atendimento e fale com o colaborador, para permitir a liberação de algum serviço. 

Porém, você sabe como escolher esse serviço?

Deixar a moradia vazia por muitos dias é a grande preocupação de muitas pessoas em questão de serem roubadas ou furtadas. Para isso, o seguro residencial surge como forma de conforto caso aconteça alguma coisa, pois ele fará o reembolso.

Entretanto, antes de fechar contrato com qualquer tipo de plano, é importante prestar atenção a alguns fatores específicos, como forma de não se enganar com nenhuma condição. Entre os pontos principais estão:

Entenda sobre a cobertura básica

É importante conhecer os serviços básicos que cada empresa oferece. Dessa forma, o contratante consegue identificar se eles são suficientes ou se precisam ser aprimorados para garantir uma cobertura completa e suficiente. 

Analise sua própria situação

Antes de fechar qualquer plano com uma operadora, é preciso realizar uma análise das condições, da região e das necessidades que ela exige. Dessa forma, é possível encontrar a seguradora que melhor atende o seu custo-benefício.

Além disso, é possível determinar se diferentes serviços são necessários para serem contratados. Por exemplo, um adicional interessante para quem fez o fechamento de varanda com vidro é uma cobertura para vidro quebrado. 

Isso foi um grande investimento para quem fez a instalação, então faz sentido acrescentar por segurança. Contudo, para pessoas que não têm essa funcionalidade, pode ser que o serviço não acrescente em nada e seja apenas mais um custo.

Por esses motivos, é preciso analisar antes de decidir qual contrato fechar, para que ele possa se adequar às suas necessidades reais. 

Confira o valor

O preço que será pago neste seguro é um investimento. Dessa forma, é muito importante que o valor, em relação ao custo-benefício, seja o melhor. Ele deve garantir um serviço de qualidade, ao mesmo tempo que oferece um pagamento que caiba no orçamento.

Para isso, pesquise diferentes planos, de diferentes seguradoras, mas, antes, faça uma análise completa dos gastos mensais fixos, bem como da sobra para outras necessidades, escolhendo aquela que mais se adequa. Você pode simular o seguro residencial aqui no MeuSeguroMaisBarato.

Leia o contrato com atenção

Assim como qualquer documento com diversas informações, o contrato possui uma variedade de tópicos de exigência e direitos aos contratantes. Dessa forma, é preciso lê-lo com muita atenção para não haver surpresas durante o período de necessidade. 

Com isso, é possível conversar com a empresa para entender as regras e oportunidades de acionamento, além de negociar valores e determinadas condições. 

Informe-se sobre as condições

Existem algumas situações em que é preciso analisar determinadas condições, para garantir que há necessidade de contratação terceirizada. Isso é muito comum para clientes que moram em apartamentos. 

Esse ponto é necessário porque, assim como essas pessoas possuem controle de acesso para condomínios, elas podem ter um suporte para certos acontecimentos. 

Isso porque alguns condomínios já possuem na apólice condições de cobertura de determinados serviços. Assim, dependendo das conveniências de cada morador, o seguro não se faz necessário. Portanto, informe-se com o síndico do prédio sobre o assunto.  

Pesquise locais

Assim como antes das distribuidoras contratarem, por exemplo, empresas de transporte de carga, elas pesquisam as opções, é necessário analisar quais serviços você pode contratar, para escolher o melhor para si.

É vital analisar todas as opções antes de escolher um determinado serviço. Isso porque eles demandam um alto investimento e são responsáveis por dar suporte em situações complicadas. 

Não feche o contrato em qualquer lugar, pesquise por opiniões, converse com o corretor, avalie os preços, converse com a família, ou seja, faça uma análise completa dos locais e desejos. 

Motivos para fechar um seguro 

Como visto acima, existem alguns cuidados a serem tomados antes de fechar um seguro residencial. Porém, agora, serão analisados motivos para a contratação desse serviço. Entre os pontos estão os seguintes:

  • Alto custo-benefício;
  • Simples contratação;
  • Oportunidade de assistência;
  • Passa tranquilidade;
  • Protege a residência;
  • Permite uma rápida indenização.

Portanto, para que haja melhor compreensão de como cada um deles pode ajudar um morador, eles serão analisados separadamente e com mais detalhes.

Alto custo-benefício

A contratação do serviço de seguro tem um alto custo-benefício, porque o valor cobrado por ele é muito baixo em relação aos outros tipos de serviços. 

Além disso, a quantidade de dinheiro que seria gasta com a reposição dos danos que foram causados é muito alta, fazendo com que o contratante economize grande quantidade de recursos. 

Outro ponto importante é que ele cobre serviços mais básicos e comuns de serem usados, garantindo uma segurança geral e ainda sendo possível economizar pequenas quantias constantes. 

Simples contratação

Para realizar a contratação desse tipo de seguro, é muito fácil e ele proporciona um atendimento prático. Com o aumento do uso da internet como meio de e-commerce e contato, a facilidade de contratar o serviço aumentou, permitindo a compra online. Você pode simular um seguro residencial clicando aqui

Oportunidade de assistência

O seguro residencial permite uma assistência 24 horas com fácil constatação, permitindo que o contratante não fique em apuros durante os períodos não comerciais. É importante lembrar que esse serviço é, também, uma assistência profissional.

Passa tranquilidade

Tendo a casa protegida de diversas adversidades, o proprietário pode se sentir tranquilo de qualquer lugar que esteja, pois, caso aconteça alguma coisa a qualquer momento, ele pode acionar o serviço e ter o atendimento rapidamente. 

Assim, o seguro residencial funciona como fazer a instalação de alarme para casa, dando tranquilidade mesmo de longe, o que é muito benéfico para o morador. 

Protege a residência

Adquirir um imóvel demanda altos investimentos financeiros e um longo período de preparação, assim, nenhum proprietário deseja perder todos os esforços. 

Dessa forma, possuir um seguro residencial permite que o contratante receba um auxílio em dinheiro, podendo recomeçar a tentar reparar as consequências. É importante salientar que o valor a ser recebido deve ser definido antes do fechamento do contrato.

Assim como ter uma empresa de portaria responsável por proteger a entrada do prédio, o seguro funciona como um protetor para o pós acontecimento, já que não consegue preveni-los completamente. 

Permite uma rápida indenização

Saber que há garantia que depois de sofrer algum prejuízo a indenização chegará até o consumidor, rapidamente traz conforto, pois ele garante que as consequências serão resolvidas em pouco tempo, diminuindo os efeitos. 

Geralmente, a maioria das seguradoras realiza o pagamento da indenização em até 30 dias depois de receber os documentos necessários. Em caso de não cumprimento do prazo, o valor passa a ter multas e juros incluídos. 

Assim como contratar uma empresa de motoboy, as seguradoras garantem uma entrega do que for necessário com um prazo curto e de qualidade. 

Situações que eles não cobrem

Existem algumas situações específicas que o seguro residencial não cobre, até mesmo o plano mais complexo que existir. Essas situações devem constar no contrato assinado. Alguns exemplos dela são:

Eles não cobrem os reparos em:

  • Decoração;
  • Materiais artísticos;
  • Gravações ou pinturas;
  • Ações que foram feitas com objetivo de ganho econômico desonesto;
  • Prejuízos causados por fenômenos da natureza; 
  • Vandalismo; 
  • Desmoronamento; 
  • Corrosão.

Além disso, também não são cobertos prejuízos a um imóvel desabitado, danos decorrentes da construção, atos praticados pelo próprio contratante, entre algumas outras opções mais específicas. Então, é importante entrar em contato com a seguradora e analisá-las. 

Conclusão

É muito importante para a segurança geral dos moradores possuir um seguro residencial de qualidade, pois ele garante diversos benefícios de assistência e auxílio para o contratante. Contudo, é necessário levar em consideração alguns pontos antes de contratá-lo. 
Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.

Post relacionados